Iceland - O paraíso ainda perdido:

a partir de €4400

Saiba mais 

Marrocos: Pra lá de Marrakech

A partir de €1425

Saiba mais 

Na magia de Marrocos

a partir de €1425

Saiba mais 

Picos da Europa - Espanha

Picos da Europa

O Parque Natural dos Picos da Europa olha o mar, cruzam-se aqui os ares do Cantábrico e os cumes altos das montanhas, as salamandras, os veados, os pastores de outros tempos e os lagos de origem glaciar.

O Parque Natural estende-se pelo Principado das Astúrias e pelas Comunidades Autónomas de Cantábria e Castela e Leão, abrangendo a totalidade do maciço dos Picos da Europa e parte da Cordilheira Cantábrica.

Divide-se em três zonas distintas, separadas por vales e rios: o Maciço Ocidental, com o Rio Sella a oeste e Cares a este e a que se acede por Cangas de Onís; o Maciço Central, que vai da Garganta do Cares ao vale do Duje, com acesso desde Cabrales; e o Maciço Oriental, entre Duje e Deva e a que se chega pela estrada de Panes.

No Ocidental, é imprescindível visitar Cangas de Onís (convém chegar a um domingo para desfrutar do tradicional mercado, onde se vendem queijos artesanais da região), uma localidade com antigos pergaminhos que é também um bom ponto de partida para percorrer o interior, dominado pela majestosa silhueta dos Picos da Europa. Se visitar a região em Agosto, pode descer o rio Sella de canoa, um dos maiores eventos europeus a este nível.

A 15 km de Cangas de Onís, Covadonga é outro dos pontos de partida para um dos percursos mais concorridos do Parque Natural.
Aproveite para ver a Basílica de Santa Maria La Real, a estátua de Pelágio e a Santa Cova antes de subir, montanha acima, até aos lagos de Enol e Ercina, talvez a zona mais conhecida e frequentada do parque.
Rumo ao Maciço Central, vale a pena parar em Arenas de Cabrales para admirar a magnífica igreja Santa Maria de Llas, do século XII. Daqui pode partir-se até Poncebos, ou percorrer a rota de Cares.
Em Poncebos, o funicular de Bulnes, dois vagões com lotação para 28 passageiros cada um, ligados por um cabo de aço, percorre as entranhas da terra até Bulnes, uma pequena aldeia até há bem pouco tempo apenas acessível por um caminho de cabras.
Pode optar pela estrada que leva à garganta de Cares e a um dos mais famosos trilhos pedestres do parque e ainda à pitoresca aldeia de Camarmeña.
Finalmente, para conhecer o Maciço Oriental, pode partir de Panes, passando pela igreja Santa Maria e virar para Fuente Dé, de onde parte o teleférico para o Refúgio de Verónica e o seu miradouro de vistas deslumbrantes (prepare-se para a descida de temperatura).

Conheça os Picos da Europa no roteiro Rota Ibérica.

Back to top